Sindifisco DF - 05 junho 2013

Governo zera IOF de estrangeiros para conter alta do dólar

imagesBrasília, 05 de junho – O governo zerou o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) para os estrangeiros que aplicam em renda fixa no Brasil. A alíquota em vigor era 6%. A medida, anunciada há pouco pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, tem como objetivo estimular a entrada de recursos externos e conter a alta do dólar registrada nas últimas semanas.

Segundo o ministro, a eliminação do imposto foi possível porque o mercado de câmbio está normalizado, com a redução do excesso de liquidez (dinheiro em circulação no mercado) internacional, que pressionava o dólar para baixo nos últimos anos.

“No passado, tínhamos elevado esse tributo porque havia grande liquidez na economia internacional, que entrava fortemente no Brasil e ameaçava o câmbio. Na época, fomos obrigados a colocar obstáculos para reduzir o [ingresso de] capital de curto prazo. Agora que observamos a possibilidade de a liquidez internacional se reduzir, podemos retirar esse imposto”, disse Mantega em entrevista coletiva.

Correio Braziliense





SINDIFISCO-DF –Sindicato dos Auditores da Receita do Distrito Federal

SRTVN Q. 702 - Bloco “P” - Sala 2011 - Ed. Brasília Rádio Center – CEP 70.719-900 / Telefone: 3328-1353 Fax: 3328-1354 / E-mail: sindifiscodf@uol.com.br

Desenvolvido por: Agência Clickbraz