A agenda dos dirigentes da AAFIT e do Sindifisco-DF tem sido cheia nos últimos dias. O presidente da AAFIT e do Sindifisco-DF, Rubens Roriz, acompanhado do diretor do Sindifisco-DF, Rossini Dias, esteve reunido com o subsecretário da Receita, Sebastião Melchior, no último dia 27 de fevereiro para tratar de temas e interesses dos auditores tributários do DF.

Rossini Dias, Sebastião Melchior e Rubens Roriz

Com o secretário de Fazenda do GDF, José Itamar Feitoza, os dirigentes das duas entidades e do Sindicato dos Funcionários da Carreira Auditoria Fiscal do Tesouro do DF (Sinafite) trataram, na última quarta-feira (1º/03) sobre três temas importantes: 18% linear, titulação e a nova decisão em relação ao teletrabalho no DF.

Em relação aos 18% linear e titulação, o secretário informou que as pautas já estão no âmbito do GDF e que ainda não há previsão de novos encaminhamentos à Câmara Legislativa do Distrito Federal.

Sobre o decreto que revoga a sistemática de teletrabalho no âmbito do GDF, os representantes do GDF se mostraram sensibilizados com as demandas sindicais e solicitaram aos dirigentes que levantassem dados para que seja avaliada a possibilidade da continuidade.

Para o presidente da AAFIT e do Sindifisco-DF, Rubens Roriz, as entidades irão continuar questionando o GDF sobre as pautas da carreira.

“ Nosso papel é zelar pela qualidade de vida e pelos direitos dos auditores tributários do DF, iremos, nós e o Sinafite, montar uma estratégia para um próximo encontro com representantes do GDF para tratar das pautas da nossa categoria”, concluiu.

Assessoria de comunicação AAFIT e Sindifisco-DF